fbpx

O GUIA COMPLETO DE MARKETING NO LINKEDIN

O GUIA COMPLETO DE MARKETING NO INSTAGRAM
setembro 25, 2019

Capa do Artigo O Guia Completo do LinkedIn

Fundada por Reid Hoffman, Allen Blue, Konstantin Guiricke, Eric Ly e Jean-Luc Vailant em 2002 pela LinkedIn Corporation, a empresa foi comprada pela Microsoft em 2016, e nos dias atuais, o LinkedIn é uma das maiores redes sociais do mundo.

Focada no mundo profissional, possui quase 600 milhões de usuários em mais de 200 países, sendo a terceira rede social mais utilizada, e que vem crescendo a cada ano, em 2019 alcançando cerca de 56% da presença digital.

imagem com números da pesquisa

Quer saber tudo sobre essa rede social? É só continuar conosco até o final deste artigo! Todas as suas dúvidas devem ser resolvidas com o nosso GUIA COMPLETO DE MARKETING NO LINKEDIN.

Boa Leitura!

 

POR QUE SUA EMPRESA PRECISA ESTAR NO LINKEDIN?

Planejar e estruturar uma estratégia de marketing em uma rede social parece simples, mas não é. Muitas variáveis precisam ser avaliadas, muitas opções precisam ser levadas em consideração. No LinkedIn, apesar do foco no profissionalismo e no mercado dos negócios, ainda não recebe muito investimento pago, que em 2019, segundo a pesquisa Social Media Trends 2019, chegou a 16,2%.

Se você busca um público alvo mais sério, voltado ao B2B (Business to Business), o lugar certo é esta rede social. Cerca de 79% dos profissionais de marketing acreditam que esta é uma rede social eficiente, número confirmado com empresas B2B nas quais 80% dos leads advém desta rede social.

Imagem com número da pesquisa

Utilizar desses dados para construir sua estratégia de marketing digital é extremamente importante, pois assim percebemos certos motivos para sua empresa estar no LinkedIn:

 

1. PRESENÇA DIGITAL

Construir um posicionamento no meio digital para sua empresa é um dos grandes passos para uma estratégia de marketing digital. Somente através do pilar Conteúdo – Relacionamento – Plataforma – Posicionamento é que isso é possível.

Imagem pilar da presença digital

 

Trazer autoridade através do engajamento e do conteúdo faz sua marca ser lembrada por mais pessoas.

 

2. CREDIBILIDADE

Por ser uma rede social de negócios, ter uma company page, ou página corporativa, no LinkedIn pode gerar credibilidade à empresa. Por causa de seu foco profissional, muitos leads – clientes em potencial – fazem pesquisas no LinkedIn em busca de analisar as diferentes oportunidades, principalmente quando o foco é o B2B – Business to Business.

Imagem da tela inicial do LinkedIn

 

Ter um bom perfil, seja se empresa, gestor, diretor ou funcionário, gera mais força e profissionalismo, conquistando não apenas pelo seu produto ou serviço, mas também pela confiança que ela transmite.

 

3. CONTRATAÇÕES

Bons profissionais buscam criar perfis no LinkedIn por diversos motivos, dentre eles, o estabelecimento de um networking vasto e forte, assim como as diferentes oportunidades, seja na busca por um novo cliente, ou por um novo emprego.

Para o RH de uma empresa, essa rede social vem facilitando muito a busca pelos profissionais mais qualificados, pois através dela é possível analisar os potenciais colaboradores. De certa forma, o perfil de uma pessoa nesta rede social é seu currículo, com suas experiências, atividades, formações e seu posicionamento.

O próprio LinkedIn possui uma seção exclusiva para vagas de emprego onde as empresas podem publicar suas oportunidades e os candidatos podem encontrá-las.

 

4. ALCANCE

Através da conexão entre usuários, marketing de conteúdo, a otimização para mecanismos de busca orgânica (SEO) e anúncios, o LinkedIn se apresenta como uma rede social de grande alcance. Seus conteúdos possuem um tom mais sério, que levantam debates sobre o mercado, empresas, negócios e os ambientes influenciadores.

 

COMO USAR O LINKEDIN?

Bem, você já sabe os principais motivos para ter um perfil no LinkedIn, mas que tal descobrir qual a melhor forma de usar essa rede social? Vamos lá!

 

1. CRIE SUA PÁGINA

Antes de qualquer coisa, é claro que é necessário criar um perfil na rede social. Crie um perfil normal ou uma company page para uma empresa e estruture um planejamento de conteúdo para construir uma audiência para sua empresa. Deixe seu perfil bem completo, com a história, a experiência, as atividades, ícones e imagens de capa e então comece a criar.

 

2. CRIE CONTEÚDO

Como toda rede social, o LinkedIn também precisa ser alimentado regularmente com conteúdo relevante para que seus seguidores sejam nutridos. Diferente do Facebook e do Instagram que possuem um algoritmo que dificulta a entrega orgânica de conteúdo aos usuários, o LinkedIn não possui essa barreira, permitindo uma entrega mais ampla e recorrente.

Assim, criar o conteúdo perfeito para o seu funil de vendas, otimizado com SEO, ou seja, para os mecanismos de busca, essa ação pode se tornar uma estratégia forte na geração de novos clientes. Crie o conteúdo que resolva todos os problemas da sua persona, de forma a gerar engajamento e autoridade.

 

3. MENSURE OS RESULTADOS

A Company Page do LinkedIn permite a análise do engajamento e dos diferentes acessos que acontecem no seu perfil, de forma que você consegue realizar uma mensuração periódica dos resultados. Dessa maneira, é possível gerar relatórios, onde são analisados:

  • Alcance;
  • Visualizações;
  • Likes;
  • Compartilhamentos;
  • Comentários;
  • Visualizações na página;
  • Cliques nos links;
  • Dados demográficos dos usuários;
  • Dados geográficos dos usuários;
  • Taxa de crescimento;
  • Melhores conteúdos e etc.

 

Imagem dos gráficos de análise de likes

 

Com esses dados em mãos você descobre onde deve melhorar ou qual caminho seguir em seu planejamento estratégico desta rede social.

 

4. INVISTA EM ANÚNCIOS

Assim como outras redes sociais, é possível realizar anúncios dentro o LinkedIn, utilizando seu próprio sistema. Essa ferramenta permite segmentar locais, gêneros, idades, cargos, funções e diferentes tamanhos de empresas, de forma que você pode alcançar aquela grande oportunidade. Esses anúncios podem ser feitos de diferentes formas, como:

 

Conteúdo Patrocinado

Através do Sponsored Content, ou Conteúdo Patrocinado, é possível aumentar o alcance e o engajamento de uma publicação específica em seu feed de notícias.

 

Imagem exemplos de postagem no LinkedIn

Mensagem Patrocinada

Através do InMail Sponsored, ou Mensagem Patrocinada, é possível enviar mensagens privadas para o inbox de um usuário.

 

Imagem exemplo de mensagem patrocinada

Anúncios em Texto

Através do Text Ads, ou Anúncio em Texto, é possível exibir um anúncio na lateral do navegador, onde você pode conectar um link externo, gerando mais tráfego.

 

Anúncios Dinâmicos

Através do Dynamic Ads, ou Anúncios Dinâmicos, é possível criar anúncios personalizados que podem sugerir ao usuário diferentes ações.

 

Anúncios de Exibição

Através do Display Ads, ou Anúncios de Exibição, é possível criar anúncios com imagens, como no Google Adwords.

 

Imagem exemplo de imagem patrocinada no LinkedIn

 

Chegamos ao fim dessa jornada, mas você pode continuar aprendendo muito com a gente! Leia também nosso artigo sobre Marketing de Influência! Até a próxima 🙂

Os comentários estão encerrados.

Open chat
1
Olá!
Seja bem vindo ao site da Hugz.
Se quiser falar com a gente manda um whats!
Powered by